A empresa alega que intensa crise que assola o país nos últimos anos, além dos prejuízos ocasionados pela invasão e depredação de algumas de suas áreas produtivas em 2017, como amplamente divulgado na imprensa, afetou profundamente o Grupo Igarashi e por isso foi necessário o pedido de Recuperação. “Temos ciência que nossas ações, embora possam parecer excessivamente duras para alguns, devolverão ao Grupo Igarashi o equilíbrio e a tranquilidade necessários para reencontrar o caminho do crescimento e da solidez que tradicionalmente caracterizaram nossas atividades em mais de 40 anos de história. Por fim, ainda que este seja apenas o início do longo caminho para superarmos o atual período de incertezas e dificuldades que vivemos, sentimo-nos confiantes em enfrentar (enfrenta-lo), com o otimismo reservado somente àqueles que podem contar com mais de 4 décadas de superação de crises”. Diz a nota enviada pela empresa.

CONTINUE LENDO